Início Sementes Híbrido de milho: O que é e outros fatores para considerar em...

Híbrido de milho: O que é e outros fatores para considerar em uma semente

Híbrido de milho: saiba o que é, conheça como é feita a seleção de plantas para essas sementes e veja como escolher o melhor híbrido para silagem

Você sabe como chegamos ao resultado de uma semente de híbrido de milho? Ou por que usamos “híbridos” de milho e não variedades, como em soja?

Aqui você vai entender melhor como ocorre esse processo de seleção de híbridos e o que isso impacta na hora da decisão de compra de sua semente.

Também vamos discutir mais a fundo sobre a seleção de híbridos para silagem, a qual deve ser diferenciada para realmente trazer mais ganhos no seu rebanho. Confira!

O que é milho híbrido?

Milho híbrido é a primeira geração obtida através do cruzamento de linhagens puras, obtendo-se sementes com vigor híbrido, capazes de gerar plantas com produtividade superior. Os principais tipos de híbridos são²:

• Híbrido simples: resultado do cruzamento entre duas linhagens puras, possui maior potencial produtivo, sendo o tipo mais comercializado no Brasil, com 86,4% do mercado em relação aos outros na safra 2019/20, segundo Embrapa;

• Híbrido duplo: resultado do cruzamento entre dois híbridos simples, levando a um médio potencial produtivo;

• Híbrido triplo: resultado no cruzamento entre uma linha pura e um híbrido simples, fazendo com que seja de médio a alto potencial produtivo;

• Híbrido simples modificado: resultado do cruzamento entre uma linhagem e um híbrido de duas linhagens irmãs;

• Híbrido triplo modificado: resultado do cruzamento entre um híbrido simples e o híbrido de duas linhagens irmãs.

Fonte: Antônio Marcos Coelho em Embrapa

Híbrido de milho e o ambiente tropical

Cada linhagem e, consequentemente, cada híbrido possui características diferentes. Por isso, plantas com genética temperada não suportam as condições tropicais, como altas temperaturas e umidade¹.  Como resultado, doenças e pragas do nosso ambiente tropical impedem o bom desenvolvimento desses híbridos.

A Sementes Biomatrix é uma empresa brasileira que possui desenvolvimento de híbridos também com germoplasma tropical, além do subtropical.  

Além disso, desde o início de nossas atividades de melhoramento genético temos foco na produção de híbrido de milho para silagem, buscando genética que favoreça a digestibilidade pelos animais e o melhor aproveitamento dos nutrientes, resultando em maior produção de carne e leite.

Tudo isso faz com que tenhamos produtos compatíveis com a realidade das diversas condições brasileiras, garantindo boa sanidade das plantas, com qualidade de sementes, além de materiais que propiciam uma silagem de alta qualidade.

Algumas características especiais do híbrido de milho 

Os híbridos apresentam algumas particularidades, como o alto vigor e produtividade apenas na primeira geração (F1), sendo necessária a aquisição de sementes híbridas todos os anos³. 

Caso você semeie os grãos colhidos, correspondendo a segunda geração (F2) e chamado de milho paiol, você terá redução no potencial da produtividade entre 15 até 65%, dependendo do tipo do híbrido, além de perda de vigor e grande variação entre plantas.

É importante lembrar que os híbridos de milho possuem produtividade, vigor e uniformidade muito superiores do que as variedades, sendo por isso, muito mais interessantes de serem cultivadas para fins comerciais.

E o híbrido de milho para silagem? Como ocorre sua seleção?

Como você seleciona as sementes de híbrido de milho para silagem na sua fazenda? Aqueles que funcionam bem para grãos também são utilizados para silagem?

É comum imaginar que híbridos com alta produção de grãos produzem a melhor silagem, mas isso está errado. Características boas para o objetivo granífero, como secagem rápida de grãos e textura dura, são ruins para silagem.

Grãos de textura dura possuem menor digestibilidade e aproveitamento pelos animais, mas isso é um assunto profundo e longo o suficiente para outro artigo que você verá aqui. 

Felizmente, os avanços genéticos das sementes de milho ajudaram a melhorar o valor da alimentação da silagem para que você possa selecionar híbridos com base na qualidade da forragem.

Na Sementes Biomatrix temos uma equipe de melhoristas cujo foco principal é selecionar híbridos de milho para silagem. Para você ter ideia, na seleção de híbridos primeiramente é analisado a qualidade da silagem, com mais de 20 análises bromatológicas (análises dos valores nutritivos das plantas).

Só depois disso damos continuidade nesse processo de seleção com as melhores plantas para silagem de alta qualidade. 

Além de que, estamos dentro do mesmo grupo que a Agroceres Multimix faz parte, o que nos possibilita fazer análises mais profundas da qualidade da silagem com nossos híbridos.

Análises para a escolha do melhor milho híbrido para silagem

A análise de Fibra Detergente Neutro (FDN) tem extrema importância para a avaliação da qualidade da silagem5 e é uma das análises que fazemos com maior profundidade. A FDN é o melhor indicativo para saber o teor de fibra, correspondendo a celulose, hemicelulose e lignina.

É importante que a silagem não tenha valores muito superiores de FDN, pois isso é prejudicial ao desempenho animal, proporcionando redução na ingestão da matéria seca, já que ocorre o enchimento do rúmen pelo material excessivamente fibroso.

Ela pode ser feita de duas maneiras: toda a planta (moendo a planta inteira) ou separadamente (toda a parte vegetal separada dos grãos). 

Os testes com partes da planta possuem as vantagens de poder saber exatamente como é a digestibilidade de cada fração e maior confiabilidade das amostras. Isso porque os grãos são bem mais digestíveis que a parte vegetal, podendo “mascarar” os resultados. 

Nós da Sementes Biomatrix fazemos essas análises, possuindo conhecimento profundo da FDN. Além disso, são feitas também avaliações fenotípicas, de volume, produtividade e outras.

Nossas análises são realizadas em laboratórios próprio e em laboratórios de terceiros, garantindo a assertividade e confiabilidade de nossos resultados.

Qual o melhor híbrido de milho para silagem?

Um bom híbrido de milho para silagem é aquele que propicia uma silagem com FDN menor que 50% (entre 36 e 48%⁴), Fibra em Detergente Ácido (FDA) menor que 25% e Nutrientes Digestivos Totais (NDT) ao redor ou maior que 70%.

É necessário também analisar a sanidade do material, para que não haja maiores problemas na produção agrícola, além da região e época de plantio mais adequada para sua realidade.

A Sementes Biomatrix possui híbridos especificamente selecionados para a produção de silagem premium, de alta qualidade. Investimos pesado nos programas de pesquisa e desenvolvimento de híbridos voltados à agricultura, pecuária e nutrição animal. 

É dessa maneira que possuímos híbridos que resultam em silagens de alto valor nutricional, atendendo às exigências dos produtores de leite e carne, além da grande sanidade vegetal em campo.

Você pode saber mais sobre milho para silagem aqui!

Veja também: Beneficiamento de sementes de milho: veja todas as etapas e importância

Conclusão

Aqui você viu como é feita a produção de híbridos de milho, inclusive para silagem, entendendo melhor esse processo e no que ele reflete em sua produção.

Também pôde ver que a Sementes Biomatrix desenvolve híbridos para as condições do Brasil, garantindo maior sanidade da lavoura, além de possuir foco em materiais de milho para silagem premium.

Bibliografia

¹LOPES, M. A. et al. O programa de melhoramento de milho do Centro Nacional de Pesquisa de Milho e Sorgo. In: Embrapa Milho e Sorgo-Artigo em anais de congresso (ALICE). In: TALLER DE COSECHA DE MAICES TOLERANTES A SUELO ACIDO, 2e REUNION SUDAMERICANA DE COORDINADORES DE MAIZ, 2., 1995. CIAT, Cali, 1995. p. 1-48., 1995.

²FRITSCHE-NETO R., MÔRO, G.V. Escolha do cultivar é determinante e deve considerar toda informação disponível. Visão Agrícola: Milho. Brasil amplia cultivo para atender demanda crescente, Piracicaba/SP, n. 13, p. 176, 2015.

³VENCOVSKY, R.; RAMALHO, M. A. P. Contribuição do melhoramento genético de plantas no Brasil. In: PATERNIANI, E. (Ed.). Agricultura brasileira e pesquisa agropecuária. Brasília, DF: Embrapa Comunicação para Transferência de Tecnologia, 2000. 194 p.

⁴FARIA, T. F. R. Levantamento exploratório das amostras de silagem de milho do banco de dados do instituto de zootecnia. 2016. Dissertação (mestrado) – Instituto de Zootecnia. APTA/SAA,  Nova Odessa, São Paulo.

⁵JÚNIOR, G. L. et al. Qualidade da fibra para a dieta de ruminantes. Ciência Animal, v. 17, n. 7, 2007.BOSA, R. et al. Consumo e digestibilidade aparente de dietas com diferentes níveis de inclusão de torta de coco para alimentação de ovinos. Acta Scientiarum. Animal Sciences, v.34 n.1. p. 57-62, 2012.

*Colaboração de Maiara Maria Franzoni, engenheira agrônoma, mestre e especialista em agronegócio (ESALQ/USP.

Você já sabia todas essas características e processos do híbrido de milho? Como você escolhe seu híbrido hoje? Conte para nós ou deixe sua dúvida nos comentários abaixo!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

Híbridos para safrinha: características para fazer a melhor escolha

Híbridos para safrinha: quais as características que o milho deve ter para minimizar possíveis prejuízos e garantir maior rentabilidade.  Você...

Implantação e manejo do consórcio milho-brachiaria

Consórcio milho-brachiaria: como impedir competição com o milho, como fazer manejo adequado e o ajuste de população de plantas, além de outras dicas...

Como plantar milho: 5 perguntas e respostas para alta produtividade

Como plantar milho: como preparar o solo para milho, épocas de plantio, diferenças entre milho silagem, milho-verde e milho grão e mais! 

Armazenamento de sementes de milho: importância e como fazer

Armazenamento de sementes de milho: entenda sua importância, os fatos que inferem no bom armazenamento e como fazer isso na revenda ou fazenda. 

Grãos ardidos em milho: manejo efetivo e sem prejuízos

Grãos ardidos em milho: quais são os fungos que causam, as condições que favorecem seu aparecimento e como fazer identificação e controle efetivo.